Covid-19 pode causar problemas circulatórios em pacientes

Foto: divulgação/freepik A princípio, o sintoma principal da covid-19 era a falta de ar.

angiologista: Aos poucos, outros sinais foram sendo …

Aos poucos, outros sinais foram sendo detectados e, mais recentemente, percebeu-se a incidência de problemas circulatórios …

Foto: divulgação/freepik A princípio, o sintoma principal da covid-19 era a falta de ar.

angiologista: Aos poucos, outros sinais foram sendo …

Aos poucos, outros sinais foram sendo detectados e, mais recentemente, percebeu-se a incidência de problemas circulatórios em pacientes contaminados com o novo coronavírus.  Esta relação ficou ainda mais em destaque com a morte do apresentador Rodrigo Rodrigues, vítima de trombose venosa cerebral, decorrente da contaminação pelo novo coronavírus.  O jornalista estava internado desde o sábado passado (25) no Hospital da Unimed, no Rio de Janeiro, onde passou por uma cirurgia.

Em entrevista ao canal SporTV, o médico e diretor do hospital, Gabriel Massot, explicou o quadro. “O Rodrigo chegou ao hospital no sábado com quadro sugestivo de acidente vascular cerebral.

angiologista: (…) Houve um extravasamento do sangue …

(…) Houve um extravasamento do sangue de dentro dos vasos, o que gerou um aumento da pressão intracraniana. Foi abordado cirurgicamente para que houvesse um controle do sangramento e diminuição da pressão, mas infelizmente ele não resistiu”, conta. Doença se agrava  De acordo com a cirurgiã vascular e angiologista, Moriane Lorenzoni, a covid-19 está se mostrando ser algo bem mais complexo, conforme se espalha pelo mundo. “Há muitos casos de pacientes que chegam aos hospitais com diagnósticos de problemas cardíacos e renais causados pela doença.

angiologista: Isso pode ter relação com a …

Isso pode ter relação com a ação do vírus Sars-CoV-2 em receptores envolvidos no controle do sistema circulatório — o que estaria desencadeando infartos e acidentes vasculares cerebreais (AVCs) entre pacientes sem histórico de doenças cardiovasculares”, explica. A médica reforça que os estudos ainda estão em andamento. “Observamos a evolução dos problemas vasculares em pacientes que estão na fase tardia, após o 15º dia com covid-19. Mas, os fatores ainda estão sendo investigados e escritos”, pondera.

angiologista: Entenda o caso Rodrigo Rodrigues apresentou …

Entenda o caso Rodrigo Rodrigues apresentou o programa Troca de Passes, do SporTV, pela última vez no dia 9 de julho, quando relatou que um amigo com quem tivera contato recente testou positivo. No dia 13, o apresentador fez o exame, que também diagnosticou a covid-19. Desde então, cumpriu o isolamento em casa, com acompanhamento da equipe médica da Globo. Inicialmente, apresentou sintomas leves, como falta de paladar e olfato, mas disse que se sentia bem. No entanto, a situação mudou no último sábado, quando deu entrada no hospital com vômitos, desorientação e dor de cabeça.


30% de todas as mulheres do mundo sofrerão com algum problema relacionado a calvície após os 50 anos de idade

Nem todo mundo sabe, mas o cabelo envelhece como toda parte do corpo. A ação do tempo faz com que o diâmetro do cabelo diminua, os fios percam a velocidade de crescimento, tornam-se mais secos e quebradiços, além de perderem a coloração natural, o que pode aparentar uns anos a mais do q …

Nem todo mundo sabe, mas o cabelo envelhece como toda parte do corpo. A ação do tempo faz com que o diâmetro do cabelo diminua, os fios percam a velocidade de crescimento, tornam-se mais secos e quebradiços, além de perderem a coloração natural, o que pode aparentar uns anos a mais do que revela o RG. A chegada da menopausa em algumas mulheres pode até desencadear a chamada alopecia senil, termo médico utilizado para a temida calvície.

angiologista: Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia …

Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) 30% de todas as mulheres do mundo sofrerão com algum problema relacionado a calvície após os 50 anos de idade.  Entenda a causa Um estudo divulgado pelo Journal of the American Academy of Dermatology revelou que a mulher fica mais suscetível a ter calvície após a menopausa, porque durante este período os níveis de estrógenos no organismo diminuem. O angiologista e especialista em LEDterapia capilar, Dr.

Álvaro Pereira explica de maneira simplificada que o estrógeno é um hormônio com características anabolizantes, ou seja, aumenta a produtividade de algumas células. As células do folículo piloso que fabricam o pelo, respondem muito bem ao estrógeno; é como se ele fosse um adubo para os cabelos, ou seja, quanto menor a produção do mesmo, mais os cabelos tornam-se fracos, quebradiços provocando a queda.

angiologista: Formas de tratamento Para dar uma …

Formas de tratamento Para dar uma mãozinha quando o assunto é queda de cabelo na menopausa existem algumas boas opções: Dermocosméticos capilares: Shampoos, condicionadores e hidratantes capilares de todas as marcas comerciais que se dedicam ao tratamento dos cabelos em envelhecimento contêm concentrações maiores de componentes hidratantes, óleos essenciais, algumas vitaminas e fortalecedores dos fios. Se for fazer uso desses dermocosméticos, preferir uma marca conceituada ou indicada por um profissional de confiança.

angiologista: Vale optar por produtos que especifiquem …

Vale optar por produtos que especifiquem no rótulo: tratamento para cabelos envelhecidos, menopausa, cabelos brancos e etc. A ANVISA exige comprovação de eficácia para que o rótulo contenha essas indicações, então é possível confiar. Multivitamínicos para a terceira idade: Os multivitamínicos para a terceira idade também ajudam bastante. Alguns deles são mais indicados para a pele, unhas e cabelos. Aqui também vale a regra de se atentar à indicação do rótulo. Minoxidil: A solução tópica de Minoxidil é um dos principais medicamentos recomendados nas diversas formas de queda capilar.

angiologista: Não se sabe exatamente como o …

Não se sabe exatamente como o Minoxidil consegue estimular o crescimento capilar, ainda que pesquisas tenham comprovado os efeitos satisfatórios  do tratamento. Acredita-se que o efeito vasodilatador da droga aumente a taxa de crescimento capilar. Pesquisas indicam que os pacientes começam a ver resultados com o uso do medicamento entre 6 e 8 semanas, com resposta máxima após 24 meses. LEDterapia de uso domiciliar no tratamento da queda de … … cabelo: Uma opção muito interessante que vem ganhando cada vez espaço no mercado é a LEDterapia capilar home-device.

angiologista: Esta tecnologia vem se tornando uma …

Esta tecnologia vem se tornando uma tendência mundial nos tratamentos de diversos problemas capilares. Os cientistas constataram que a radiação emitida por LEDs estimulam as células tronco do folículo piloso e os fios voltam a crescer plenamente se o uso for contínuo e regrado.  Para quem pretende investir, o tratamento vem no formato de bonés e capacetes de LED da Capellux certificados pela ANVISA e com ótimos resultados aos pacientes. Na prática, com apenas 12 minutos diários de uso do boné, ou 7 minutos diários de uso do capacete, o folículo piloso converte a luz vermelha em energia que estimula a circulação sanguínea do couro cabeludo, aumenta a ingestão e otimização de nutrientes no cabelo, resultando em fios mais bonitos, vistosos, encorpados, além de reparar danos, combatendo o ressecamento e a queda capilar.


30% de todas as mulheres do mundo sofrerão com algum problema relacionado a calvície

Além da queda capilar, especialista revela que fios envelhecem com a chegada da menopausa e explica principais formas de tratamento Nem todo mundo sabe, mas o cabelo envelhece como toda parte do corpo. A ação do tempo faz com que o diâmetro do cabelo diminua, os fios percam a velocidade de c …

Além da queda capilar, especialista revela que fios envelhecem com a chegada da menopausa e explica principais formas de tratamento Nem todo mundo sabe, mas o cabelo envelhece como toda parte do corpo. A ação do tempo faz com que o diâmetro do cabelo diminua, os fios percam a velocidade de crescimento, tornam-se mais secos e quebradiços, além de perderem a coloração natural, o que pode aparentar uns anos a mais do que revela o RG. A chegada da menopausa em algumas mulheres pode até desencadear a chamada alopecia senil, termo médico utilizado para a temida calvície.

angiologista: Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia …

Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) 30% de todas as mulheres do mundo sofrerão com algum problema relacionado a calvície após os 50 anos de idade. Entenda a causa Um estudo divulgado pelo Journal of the American Academy of Dermatology revelou que a mulher fica mais suscetível a ter calvície após a menopausa, porque durante este período os níveis de estrógenos no organismo diminuem. O angiologista e especialista em LEDterapia capilar, Dr.

Álvaro Pereira explica de maneira simplificada que o estrógeno é um hormônio com características anabolizantes, ou seja, aumenta a produtividade de algumas células. As células do folículo piloso que fabricam o pelo, respondem muito bem ao estrógeno; é como se ele fosse um adubo para os cabelos, ou seja, quanto menor a produção do mesmo, mais os cabelos tornam-se fracos, quebradiços provocando a queda.

angiologista: Formas de tratamento Para dar uma …

Formas de tratamento Para dar uma mãozinha quando o assunto é queda de cabelo na menopausa existem algumas boas opções: Dermocosméticos capilares: Shampoos, condicionadores e hidratantes capilares de todas as marcas comerciais que se dedicam ao tratamento dos cabelos em envelhecimento contêm concentrações maiores de componentes hidratantes, óleos essenciais, algumas vitaminas e fortalecedores dos fios. Se for fazer uso desses dermocosméticos, preferir uma marca conceituada ou indicada por um profissional de confiança.

angiologista: Vale optar por produtos que especifiquem …

Vale optar por produtos que especifiquem no rótulo: tratamento para cabelos envelhecidos, menopausa, cabelos brancos e etc. A ANVISA exige comprovação de eficácia para que o rótulo contenha essas indicações, então é possível confiar. Multivitamínicos para a terceira idade: Os multivitamínicos para a terceira idade também ajudam bastante. Alguns deles são mais indicados para a pele, unhas e cabelos. Aqui também vale a regra de se atentar à indicação do rótulo. Minoxidil: A solução tópica de Minoxidil é um dos principais medicamentos recomendados nas diversas formas de queda capilar. Não se sabe exatamente como o Minoxidil consegue estimular o crescimento capilar, ainda que pesquisas tenham comprovado os efeitos satisfatórios do tratamento.

angiologista: Acredita-se que o efeito vasodilatador da …

Acredita-se que o efeito vasodilatador da droga aumente a taxa de crescimento capilar. Pesquisas indicam que os pacientes começam a ver resultados com o uso do medicamento entre 6 e 8 semanas, com resposta máxima após 24 meses. LEDterapia de uso domiciliar no tratamento da queda de cabelo: Uma opção muito interessante que vem ganhando cada vez espaço no mercado é a LEDterapia capilar home-device. Esta tecnologia vem se tornando uma tendência mundial nos tratamentos de diversos problemas capilares. Os cientistas constataram que a radiação emitida por LEDs estimulam as células tronco do folículo piloso e os fios voltam a crescer plenamente se o uso for contínuo e regrado. Para quem pretende investir, o tratamento vem no formato de bonés e capacetes de LED certificados pela ANVISA e com ótimos resultados aos pacientes.

angiologista: Na prática, com apenas 12 minutos …

Na prática, com apenas 12 minutos diários de uso do boné, ou 7 minutos diários de uso do capacete, o folículo piloso converte a luz vermelha em energia que estimula a circulação sanguínea do couro cabeludo, aumenta a ingestão e otimização de nutrientes no cabelo, resultando em fios mais bonitos, vistosos, encorpados, além de reparar danos, combatendo o ressecamento e a queda capilar. Dr. Álvaro Pereira – Angiologista formado pela FMUSP em 1978, com residência em Cirurgia Vascular no HCFMUSP, Especialista em oferecer tratamentos capilares com LEDterapia, Doutorado em Cirurgia Vascular na Divisão de Bioengenharia do INCOR – HCFMUSP, pós-doutorado no B&

angiologista: H Hospital – Harvard. Cosmedical Empresa …

H Hospital – Harvard. Cosmedical Empresa especializada em oferecer tratamentos seguros e inovadores aos seus clientes, desde terapia capilar à recuperação de musculatura pós esforço físico com o intuito de promover qualidade de vida, sem dor e sem esforço, tudo ao toque de um botão. Atuando com a alta tecnologia e a eficácia da fotobiomodulação por meio de LEDs, a empresa se tornou referência em equipamentos home device. A COSMEDICAL fabrica, comercializa e importa equipamentos para a saúde, desde 2008.


Gente Que Acontece

Thiago Cavalcanti [email protected]

angiologista: com “Ama os teus inimigos, porque …

com “Ama os teus inimigos, porque eles falam-te dos teus defeitos” Benjamin Franklin Sexta recheada de muitos parabéns para… O advogado Rodrigo Câmara, Marta Paiva, Silvin …

Thiago Cavalcanti [email protected]

angiologista: com “Ama os teus inimigos, porque …

com “Ama os teus inimigos, porque eles falam-te dos teus defeitos” Benjamin Franklin Sexta recheada de muitos parabéns para… O advogado Rodrigo Câmara, Marta Paiva, Silvinha Arruda Câmara, João Pedro Flor Tinoco, Gustavo Bastos, o empresário Rafael Abreu, o arquiteto Claudinê Lima, a médica ginecologista Sandra Dias e sua filha Camila. Chá De Sumiço Antes fortemente atuantes, principalmente nas redes sociais, o período da pandemia parece ter afetado em cheio a figura do coach.

Alguns simplesmente desapareceram por completo.

angiologista: Há quem diga que o sumiço …

Há quem diga que o sumiço tem explicação. Pura falta de conteúdo e experiência para atuar em um momento tão adverso. Diário Oficial Do Estado trouxe a publicação do decreto 29.873, de 28 de julho de 2020, que autoriza a Secretaria de Tributação do RN a modificar o calendário de pagamento do IPVA 2020 dos contribuintes potiguares. Em resumo, que o prazo para pagamento da taxa será prorrogado e não haverá incidência de juros e multas sobre as parcelas já vencidas. …A publicação é resultado de 3 meses de diálogo entre a vereadora Nina (PDT) e o presidente da Associação dos Motoristas por Aplicativos do RN, Evandro Henrique, junto ao Governo do Estado, que trataram sobre benefícios voltados para a população durante o período da pandemia.

angiologista: Formalidade Tem condomínio alinhado no Tirol, …

Formalidade Tem condomínio alinhado no Tirol, em que os barracos e arengas acontecem no salto. Os condôminos não usam a ferramenta do WhatsApp, mas sim E-mail, sempre tratando os proprietários pelos títulos e mestrados, já que boa parte é da turma do jaleco. Gente chique é outra coisa! Espiritismo A editora Intrínseca, lança em agosto, a primeira biografia escrita pela premiada jornalista investigativa Daniela Arbex, vencedora do Prêmio Jabuti na categoria livro-reportagem em 2016. Com prefácio assinado por Caco Barcellos, &

angiologista: Os Dois Mundos De Isabel; narra …

Os Dois Mundos De Isabel; narra a história da médium mineira Isabel Salomão de Campos, uma das pioneiras do espiritismo Brasil. Escrava Isaura Para a série especial dos 70 anos da televisão brasileira, Lucélia Santos será a entrevistada de hoje por Pedro Bial no “Conversa”. Dona de um currículo repleto de sucessos, a atriz tem como carro-chefe a obra “A Escrava Isaura” (1976), exibida pela Globo. Uma das novelas mais vendidas da história da emissora. Se Ocupando Para matar o tempo, enquanto o isolamento social não acaba, a filantropa Crinaura Abreu faz máscaras e próteses para as mulheres da Casa de Apoio Irmã Gabriela e a Liga Contra o Câncer, onde é voluntária. Aliás, ela já se dedica a esse trabalho há tempos, mas agora está na linha Home Office. Golpe A angiologista Cristiane Torralba foi mais uma vítima da clonagem do whatzap. Criminosos se passaram pela médica pedindo dinheiro aos seus contatos. Chegando o dia dos pais, o promotor de justiça Flávio Pontes e sua esposa Fernanda apresentam o herdeiro Matheus nas redes sociais Turma chique e cheirosa, as viuvetes Cristina Santos, Nilze Dias, Regina Emerenciano, Nadja Dias e Amália Porto As consultoras de imagem Ana Paula Cacho e Natália Calgaro trocando figurinha de style em momento fashion nos salões badalados das terras de Poti Em ritmo de São João, o casal Kalina Leite/JaderGonçalves Vivas duplo de parabéns para a médica Sandra Dias e sua filha Camila, elas amanhecem em rit-mo de idade nova


Entenda o que é a dissecção de aorta, condição que causou a morte do cantor Renato Barros

O cantor Renato Barros faleceu em decorrência de complicações em cirurgia (Foto: Reprodução/Facebook/Renato e Seus Blue Caps)   Renato Barros, integrante da banda Renato e Seus Blue Caps, morreu na terça-feira, 28, por complicações de uma cirurgia cardíaca. No dia 17 de julho, o músic …

O cantor Renato Barros faleceu em decorrência de complicações em cirurgia (Foto: Reprodução/Facebook/Renato e Seus Blue Caps)   Renato Barros, integrante da banda Renato e Seus Blue Caps, morreu na terça-feira, 28, por complicações de uma cirurgia cardíaca. No dia 17 de julho, o músico deu entrada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Clínicas em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, para ser submetido a uma operação de emergência.

angiologista: Ele foi diagnosticado com dissecção de …

Ele foi diagnosticado com dissecção de aorta, e após a cirurgia, teve infecção pulmonar e não resistiu. Entenda a condição que causou a morte do cantor. A dissecção aórtica é uma urgência vascular, que ocorre após lesão na parede interna da artéria aorta e leva a uma ruptura que separa o trajeto do sangue em dois caminhos, chamados de luz falsa e luz verdadeira, segundo explica a angiologista e cirurgiã vascular, Juliana Alfaia. “É como se fosse um furo na parede do vaso.

Nestes pontos, tem umas plaquinhas que ulceram, onde a parede fica mais frágil, e, quando sofre o efeito de uma pressão maior, você desenvolve uma falsa luz no trajeto do vaso, e o fluxo se desloca pelas duas luzes”, comenta.

angiologista: Em uma analogia da médica, a …

Em uma analogia da médica, a luz verdadeira seria como uma espécie de cano, que enfraquece em certo ponto, cede e forma um trajeto alternativo – a luz falsa – pelo qual o líquido iria passar. Dessa forma, em vez de seguir o caminho correto, o fluxo sanguíneo passaria a se desviar também para esse outro sentido, causando um acúmulo de sangue, que aumenta o risco de entupir ou romper as artérias que levam o sangue para órgãos vitais. Leia também | Após a morte do apresentador Rodrigo Rodrigues, entenda como a trombose está associada à Covid-19 A aorta, segundo Juliana, é a maior artéria do organismo.

angiologista: “Dela saem muitos ramos para muitos …

“Dela saem muitos ramos para muitos órgãos vitais como o rim, o estômago, o baço, e as artérias que levam o sangue para o intestino”, exemplifica. “Então, quando você desenvolve uma luz falsa, é possível que esses ramos acabem saindo da luz falsa e fiquem com o suprimento de sangue prejudicado”, complementa a cirurgiã vascular. A consequência seriam repercussões, por vezes fatais, nesses órgãos. Homens acima de 60 anos correspondem ao perfil mais acometido pela dissecção de aorta. No entanto, as condições que cooperam para o desenvolvimento dessa condição estão sendo cada vez mais observadas em pacientes mais jovens, segundo a angiologista Juliana Alfaia.

angiologista: “Essas doenças que antigamente só acometiam …

“Essas doenças que antigamente só acometiam idosos, estão aparecendo muito mais cedo. As pessoas estão fumando, se tornando hipertensas e diabéticas mais cedo. Então, o perfil está mudando”, salienta. Os fatores de risco para a dissecção aórtica são principalmente as doenças plurimetabólicas, como diabetes, obesidade, hipertensão não controlada e colesterol alto. Além disso, o tabagismo e o alcoolismo também são hábitos que cooperam para esse risco. “O cigarro mais prevalentemente”, frisa Juliana.

angiologista: Ela acrescenta que a prevenção é …

Ela acrescenta que a prevenção é a partir do controle dessas doenças de base. Além disso, é importante que seja feito check-up vascular anualmente para rastreio desses fatores de risco. “Geralmente, a dissecção aórtica está ligada ao aneurisma de aorta. É muito comum encontrar as duas coisas. Então, a gente tem como fazer o rastreio através de check-up anual vascular”, complementa. Conforme a cirurgiã, o aneurisma de aorta tem os mesmos fatores de risco que a dissecção aórtica. Quando há a fraqueza na parede do vaso, os pacientes desenvolvem o aneurisma. E se há uma ruptura em uma das camadas da artéria, a luz falsa pode ser formada, levando à dissecção. “O risco é maior para aqueles que têm aneurisma, do que para aquela pessoa que não tem nada – apenas os fatores de risco – ter uma dissecção; mas acontece”, finaliza.


Gestantes devem ficar atentas aos problemas de circulação

Foto: Divulgação A gravidez é um momento de várias mudanças no corpo da mulher.

angiologista: Em alguns casos podem surgir algumas …

Em alguns casos podem surgir algumas questões inesperadas. Uma delas é a alteração da circulação, que é muito comum e afe …

Foto: Divulgação A gravidez é um momento de várias mudanças no corpo da mulher.

angiologista: Em alguns casos podem surgir algumas …

Em alguns casos podem surgir algumas questões inesperadas. Uma delas é a alteração da circulação, que é muito comum e afeta várias mulheres. Isso acontece pelo aumento do volume sanguíneo e pela elevação de hormônios femininos. Esses fatores necessitam de atenção e cuidados para controlar o surgimento de varizes e inchaço (principalmente nas pernas, associado a sensação de peso), sem provocarem impactos negativos.

De acordo com a cirurgiã vascular e angiologista, Moriane Lorenzoni, dentre os cuidados que podem ser tomados está uma dieta saudável, grande ingestão de água, prática de exercícios físicos apropriados para este período e descansar várias vezes durante o dia com as pernas elevadas. “Em casos mais graves, a gestante pode até desenvolver uma trombose venosa profunda (TVP)”, relata.

angiologista: As estimativas da Sociedade Brasileira de …

As estimativas da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV) apontam que há uma prevalência média da TVP de 38% na população geral brasileira, sendo encontrada em 30% dos homens e 45% das mulheres, levando em consideração todas as faixas etárias. Os maiores fatores de risco são predisposição familiar, sexo feminino (proporção de até 2,3 para 1 homem), idade (quanto mais idoso maior a prevalência) e obesidade. “Com a gravidez, há uma elevação significativa dos níveis hormonais da mulher, dentre eles: progesterona, estrogênio, gonadotrofina coriônica humana (hCG) e o hormônio lactogênio placentário (hPL).

angiologista: Existe uma função de cada um …

Existe uma função de cada um deles para a progressão da gestação e sua manutenção. Mas, isso pode acarretar numa dilatação das veias do organismo. Isso as torna mais complacentes e volumosas, aumentando com o decorrer da gestação e causando inchaço, cansaço, dor, vasinhos e veias aparentes e sensação de queimação nas pernas”, destaca. O sexto mês de gravidez pode ser importante neste processo com crescimento do bebê e da extensão abdominal. Desta forma, o útero pode comprimir a veia cava e causar uma intensificação dos sintomas de inchaço e dor.

angiologista: Alguns precedentes também podem influenciar negativamente …

Alguns precedentes também podem influenciar negativamente na qualidade de vida da gestante. Por exemplo: histórico de uso de tabaco, obesidade, sedentarismo e até mesmo alguns transtornos psicológicos. “Após o parto e durante os primeiros meses os vazinhos e varizes vão desaparecendo, sendo ideal investir em tratamentos mais definitivos a partir do terceiro mês de amamentação, para o organismo voltar ao seu estado hormonal não gravídico. Além disso, é possível preveni-las com o uso regular de meias elásticas, uma alimentação saudável, evitar ganhar peso durante a gestação, realização de caminhadas diárias e elevação das pernas pelo menos duas vezes ao dia”, orienta. 


Trombose venosa cerebral: o que é, quais os sintomas e qual a relação com a covid-19

O apresentador da Rede Globo Rodrigo Rodrigues morreu nesta terça-feira, 28, em decorrência da covid-19.

angiologista: Ele estava internado desde a noite …

Ele estava internado desde a noite de sábado, 25, em coma induzido, após testar positivo para o novo coronavír …

O apresentador da Rede Globo Rodrigo Rodrigues morreu nesta terça-feira, 28, em decorrência da covid-19.

angiologista: Ele estava internado desde a noite …

Ele estava internado desde a noite de sábado, 25, em coma induzido, após testar positivo para o novo coronavírus e passar por uma cirurgia para diminuição da pressão intracraniana por causa de uma trombose venosa cerebral. O trombo é um coágulo, que pode ser parcial ou total, e se forma nos vasos sanguíneos, veias ou artérias, limitando o fluxo normal do sangue. Quando isso ocorre, é diagnosticada a trombose, que pode se manifestar de diferentes formas.

© Instagram/@rr_tv Rodrigo Rodrigues, apresentador da TV Globo A trombose pode ter várias manifestações e diferentes causas: caso ela ocorra em uma veia profunda é definida como Trombose Venosa Profunda (TVP);

angiologista: já se o coágulo se formar …

já se o coágulo se formar em uma artéria, é chamada de trombose arterial (TA), e pode causar enfarte ou acidente vascular cerebral (AVC). Uma em cada quatro pessoas no mundo morre em decorrência de condições causadas pela trombose, de acordo com a Sociedade Internacional de Trombose e Hemostasia. Gestantes e mulheres no puerpério, assim como pacientes com câncer, estão entre os mais suscetíveis à desenvolver esses trombos ou coágulos. “Mulheres em idade fértil e que fazem uso de anticoncepcional, também estão mais vulneráveis à trombose”, explica Indianara Brandão, médica hematologista.

angiologista: A especialista acrescenta que três em …

A especialista acrescenta que três em cada 10 pacientes que tiveram o problema podem voltar a desenvolver um novo episódio de trombose. Quais são as principais causas da trombose venosa cerebral? Em algumas situações, a população feminina está mais vulnerável, como o uso regular de anticoncepcional ou tratamento hormonal e gravidez. Porém, todas as outras circunstâncias põem em risco todos os gêneros. Confira os fatores de risco para a trombose venosa cerebral. tabagismo;

angiologista: ficar sentado ou deitado por longos …

ficar sentado ou deitado por longos períodos; hereditariedade; presença de varizes; idade avançada; pacientes com insuficiência cardíaca; tumores malignos; obesidade; distúrbios de hipercoagulabilidade hereditário ou adquirido; história prévia de trombose venosa. Relação entre trombose venosa cerebral e coronavírus O tromboembolismo pulmonar é a mais grave complicação da trombose, pois há o deslocamento do trombo da veia para o pulmão. “A gravidade vai depender do tamanho e da quantidade de coágulos no pulmão”, enfatiza a hematologista Indianara Brandão.

angiologista: Ela ressalta que, recentemente, alguns estudos …

Ela ressalta que, recentemente, alguns estudos também relacionaram a doença à quadros mais graves da covid-19. Uma das maiores preocupações dessa relação diz respeito a identificação de uma forte ligação entre parâmetros anormais de coagulação – produtos de degradação do dímero D e fibrina – e a mortalidade. “Nesses casos o tratamento indicado e mais eficaz é feito com administração de anti-coagulante”. salienta a médica . Especialistas de vários países relatam problemas semelhantes. Uma análise realizada por cientistas chineses, com 183 pacientes diagnosticados com a covid-19, revelou que 71% dos que morreram apresentavam coágulos. Na Holanda, outro estudo com 184 pacientes internados em UTIs revelou que um terço deles tinha coágulos.

angiologista: Os casos devem ser investigados, pois …

Os casos devem ser investigados, pois a evolução desses coágulos podem ocasionar enfartes, AVCs e até amputações “Em alguns casos, vemos a formação de grandes coágulos nas artérias, seja no coração, o que causa ataque cardíaco, nas artérias do cérebro, o que causa AVC, ou, ocasionalmente, nas artérias das extremidades, o que pode colocar em risco os braços e pernas do paciente e gera a possibilidade de que seja necessária amputação”, conclui Indianara Brandão. Galeria: Saiba como identificar os sintomas de um AVC (StarsInsider)


Trombose venosa cerebral: o que é, quais os sintomas e a qual relação com a covid-19

A trombose é caracterizada pela obstrução de veias com a formação de coágulos de sangue. Muito associada ao uso de anticoncepcional, a condição tem outros fatores de risco, como tabagismo, obesidade e diabete.

angiologista: Ficar sentado ou deitado por muito …

Fi …

A trombose é caracterizada pela obstrução de veias com a formação de coágulos de sangue. Muito associada ao uso de anticoncepcional, a condição tem outros fatores de risco, como tabagismo, obesidade e diabete.

angiologista: Ficar sentado ou deitado por muito …

Ficar sentado ou deitado por muito tempo na mesma posição (por exemplo: quando pacientes ficam longo período internados e não conseguem se movimentar) também pode contribuir para a criação de coágulos nas veias ou artérias. Em entrevista anterior ao E+, a hematologista Suely Resende disse que qualquer mulher que tem histórico de trombose na família deve evitar o uso de anticoncepcional.

O motivo é que a condição tem componente genético e os hormônios contidos na pílula, principalmente o estrogênio, diminuem a ação anticoagulante no corpo. Na chamada trombofilia hereditária, ocorrem mutações nos genes de proteínas da coagulação, ou seja, há deficiência de anticoagulantes naturais.

angiologista: Esses casos, porém, são raros e …

Esses casos, porém, são raros e atingem de 30% a 40% das pessoas, enquanto a doença por fatores adquiridos (citados anteriormente) é mais comum e afeta de 50% a 60%. No Dia Nacional de Combate e Prevenção à Trombose, lembrado em todo 16 de setembro, o alerta é para que as pessoas adotem medidas preventivas e fiquem atentas aos sintomas, que nem sempre aparecem. VEJA TAMBÉM: Cinco hábitos para ter uma circulação saudável Existem dois tipos de trombose, a aguda e a crônica. A primeira é resolvida naturalmente na maioria das vezes.

angiologista: O próprio corpo adota mecanismos para …

O próprio corpo adota mecanismos para dissolver os coágulos que estão entupindo as veias. Dessa forma, não há sequelas nem agravamentos. No caso da trombose crônica, há sequelas no interior das veias durante o processo natural de dissolução do coágulo. Isso altera a estrutura das válvulas e o retorno do sangue fica prejudicado. As consequências são inchaço, varizes, escurecimento e endurecimento da pele, além de feridas e outras complicações. Se não diagnosticada ou tratada corretamente, a trombose pode levar à embolia pulmonar, que é quando o coágulo se desloca até o pulmão, o que pode ser fatal. Com base nos fatores de risco, as orientações para evitar a trombose são praticar atividades físicas regularmente, não fumar e manter o peso adequado.

angiologista: Em longas viagens ou se passar …

Em longas viagens ou se passar muito tempo sentado, aconselha-se usar sapatos e roupas confortáveis, tentar se movimentar com frequência e usar meias de compressão. A seguir, confira cinco fatos sobre a trombose, segundo o cirurgião vascular Marcelo Matielo, secretário-geral da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV). Fato 1: Nem sempre há sintomas na trombose A trombose pode ser uma doença silenciosa, ou seja, assintomática. Muitas vezes, o primeiro sintoma é a própria complicação: a embolia pulmonar. Porém, de maneira geral, os sintomas são dores e aumento do volume do membro acometido (geralmente pernas e coxas), além de inchaço e endurecimento da musculatura.

angiologista: Fato 2: Convivendo com trombofilia Geralmente, …

Fato 2: Convivendo com trombofilia Geralmente, o paciente que apresenta trombofilia, condição que predispõe à trombose, não precisa ser medicado durante toda a vida. Porém, ele deve tomar algumas precauções. “Se já tiver apresentado um quadro de trombose venosa profunda, e dependendo da trombofilia, é indicado somente tratamento por tempo clássico. Em alguns poucos casos, há a indicação de tratamento com anticoagulantes por toda a vida”, afirma o médico. Fato 3: Cuidado com anticoncepcional Nem toda mulher que usa a pílula vai ter trombose, mas é importante ficar atenta.

angiologista: “Porém, não há justificativa para pesquisa …

“Porém, não há justificativa para pesquisa de trombofilia em toda mulher que vai fazer uso de terapia hormonal. O mais importante é avaliar se há histórico familiar ou pessoal de trombose venosa profunda antes da prescrição”, afirma o cirurgião vascular. Fato 4: Gravidez e puerpério A gravidez aumenta o risco para a doença. A incidência está mais elevada no puerpério, mas isso não significa que todas as gestantes terão trombose. A proporção de tromboembolismo venoso (TEV) durante a gestação é de 12,3 para cada dez mil gestações.

angiologista: “Um angiologista ou cirurgião vascular saberá …

“Um angiologista ou cirurgião vascular saberá identificar esse risco e informar se alguma medida deve ser tomada”, afirma o médico. Fato 5: Tratamento para trombose O tratamento é feito por meio da anticoagulação, porém Matielo afirma que as medicações não vão dissolver o coágulo. “Vão impedir que novos coágulos sejam formados. Quem vai fazer a quebra e absorção do coágulo são os fatores presentes no organismo do paciente”, explica. Em casos bem selecionados, nos quais não seja viável realizar a anticoagulação, pode ser utilizado implante de filtro de veia cava, para evitar somente a embolia pulmonar. Também, dependendo do caso, pode se optar pela realização de cirurgia para desobstrução da veia através da técnica minimamente invasiva ou da cirurgia convencional.


Os riscos do colesterol alto: excesso pode causar doenças cardíacas e AVC

Um dos grandes vilões da saúde é o colesterol alto.

angiologista: Essencial para o bom funcionamento do …

Essencial para o bom funcionamento do corpo, ele é um tipo de gordura que faz parte da estrutura das células do cérebro, nervos, músculos, pele, fígado, inte …

Um dos grandes vilões da saúde é o colesterol alto.

angiologista: Essencial para o bom funcionamento do …

Essencial para o bom funcionamento do corpo, ele é um tipo de gordura que faz parte da estrutura das células do cérebro, nervos, músculos, pele, fígado, intestinos e coração. É, ainda, importante para a formação de hormônios de vitamina D e até ácidos biliares, que ajudam na digestão das gorduras da alimentação. Porém o excesso de colesterol ruim podem causar complicações graves, inclusive levando o paciente à morte. Segundo o angiologista do Hapvida, Dr.

Nelson Brandão, o colesterol no sangue circula ligado a lipoproteínas chamadas de colesterol bom (HDL) e colesterol ruim (LDL). O excesso de LDL é que está associado às doenças cardíacas e pode provocar infarto e AVC (Acidente Vascular Cerebral). “O excesso de colesterol bom (HDL), por outro lado, até protege das doenças cardíacas.

angiologista: Por isso, quando medimos o colesterol …

Por isso, quando medimos o colesterol total no sangue, precisamos sempre saber o quanto se deve ao colesterol bom e o quanto se deve ao ruim. Só o ruim precisa ser tratado”. A forma mais eficaz de prevenção é manter uma alimentação saudável e com baixos níveis de gorduras saturadas. Deve-se evitar o excesso de gorduras de origem animal, excesso de frituras e de alimentos embutidos (salames; salsicha). Procurar ingerir mais frutas, verduras e legumes. Reduzir a ingestão de gorduras.


Concurso Prefeitura de Itabaiana SE 2020 tem EDITAL retificado! Até R$ 9.562,28!

No Estado de Sergipe, a Prefeitura Municipal de Itabaiana retifica edital de concurso público para preenchimento de 258 vagas em cargos de níveis fundamental, médio, técnico e superior na autarquia municipal. Conforme o documento de retificação (retificação I), houve alteração nos requ …

No Estado de Sergipe, a Prefeitura Municipal de Itabaiana retifica edital de concurso público para preenchimento de 258 vagas em cargos de níveis fundamental, médio, técnico e superior na autarquia municipal. Conforme o documento de retificação (retificação I), houve alteração nos requisitos e carga horária para o cargo de Auditor Fiscal e Tributário. Os candidatos que se sentirem prejudicados, poderão solicitar a alteração do cargo para o qual deseja concorrer ou a devolução do valor da taxa de inscrição, via [email protected] As vagas destinadas são para cargos: Agente de Limpeza e Conservação de Logradouros (120); Agente de Instrução em Corte e Costura; Agente de Serviço de Eletricidade; Agente de Serviços de Hidráulica; Auxiliar de Cuidador Social; Cuidador de Creche (10); Agente de Coleta de Lixo (30); Agente de Operação de Máquinas Motrizes; Agente de Serviços de Carpintaria; Agente de Condução de Veículos de Pequeno e Médio Porte (7); Agente de Monitoria Social em Saúde; Agente de Recreação; Agente Técnico de Agricultura; Agente Técnico de Contabilidade; Agente Técnico de Desenho; Agente Técnico de Educação Social; Agente Técnico de Enfermagem (10); Cuidador em Saúde (1); Agente Auxiliar de Saúde Bucal (2); Agente Técnico de Enfermagem em Saúde da Família; Agente Técnico em Fiscalização de Obras; Agente Técnico de Organização de Eventos; Agente Técnico de Patologia Clínica (1); Agente Comunitário em Saúde (16); Agente de Almoxarifado; Agente de Animação Cultural; Agente de Fiscalização de Posturas; Agente de Fiscalização Tributária; Agente de Monitoria de Esporte; Agente de Monitoria Social (1); Auditor Interno; Auditor Médico (1); Biblioteconomista; Biólogo (1); Agente Técnico de Supervisão em Obras; Agente Técnico de Topografia; Cuidador Social; Monitor Educacional (10); Analista de Políticas Públicas e Gestão Governamental; Arqueólogo; Arquiteto (1); Engenheiro Agrônomo (1); Engenheiro Civil (2); Engenheiro de Segurança do Trabalho; Engenheiro de Petróleo e Gás (1); Engenheiro Químico (1); Geólogo (1); Historiógrafo; Inspetor Sanitário (1); Assistente Social em Saúde (1); Biomédico (1); Médico Mastologista; Médico Neurologista; Médico Oftalmologista (1); Médico Endocrinologista e Metabologista (1); Médico Gastroenterologista e Endoscopista; Médico Geriatra; Médico Ginecologista/ Obstetrícia (4); Médico Otorrinolaringologista; Médico Pediatra (2); Médico Clínico Geral; Médico Dermatologista (1); Médico do Trabalho (1);

angiologista: Médico Cirurgião (2);   Médico Pneumologista; Médico …

Médico Cirurgião (2);   Médico Pneumologista; Médico PSF (3); Médico Urologista (1); Médico Veterinário (1); Cartógrafo; Cirurgião Buco-Maxilo-Facial; Cirurgião Dentista (1); Cirurgião Dentista em Saúde da Família (1); Cirurgião Endodontista (1); Psicólogo Social; Psiquiatra (3); Terapeuta Ocupacional (3); Zootecnista (1); Cirurgião Periodontista (1); Contador Público; Enfermeiro (8);  Médico Angiologista; Médico Cardiologista (1); Museólogo; Nutricionista (1).

Haverá ainda, conforme o documento publicado, formação de cadastro reserva, para contratação conforme necessidade do município.  Os salários oferecidos variam entre R$ 1.045,00 a R$ 9.562,28, por carga horária, por carga horária de 20 e 40 horas semanais.

angiologista: INSCRIÇÃO Os interessados em concorrer a …

INSCRIÇÃO Os interessados em concorrer a uma das vagas puderam se inscrever entre o período de 06 a 24 de julho de 2020, no endereço eletrônico oficial da banca organizadora Consep. O valor da inscrição oscila entre R$ 50,00 a R$ 110,00. PROVAS O concurso contará com provas objetivas (caráter classificatório e eliminatório) com questões de língua portuguesa, matemática, raciocínio lógico e conhecimentos específicos, mais prova de títulos. Você Pode Gostar Também: O certame é válido por 24 meses, a contar da data de homologação do resultado final, prazo este que poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração municipal.   Informações do concurso Concurso: Prefeitura Municipal de Itabaiana SE Banca organizadora: Consep Escolaridade: fundamental, médio, técnico e superior Número de vagas: 258 Remuneração: R$ 1.045,00 a R$ 9.562,28 Inscrições: 6 a 24 de julho de 2020 Taxa de Inscrição: R$ 50,00 a R$ 110,00 Provas: 6 de setembro de 2020 Situação: PUBLICADO EDITAL 2020 100% de Acordo com Último Edital Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado